27/10/2009

TURISTAS SÃO ABORDADOS DURANTE AÇÃO EDUCATIVA NO AEROPORTO INTERNACIONAL DE FORTALEZA


Sol, mar e combate à exploração sexual infantil. É essa a propaganda que o Ceará quer fazer. Os passageiros que desembarcam no Aeroporto Internacional Pinto Martins recebem, além de boas-vindas, um panfleto explicativo de combate à exploração sexual infantil no Ceará. Essa ação faz parte da Campanha “Criança não é atração turística!”, organizada pela Câmara Municipal de Fortaleza através da Comissão de Desenvolvimento Econômico, Turismo, Emprego e Renda. Com folders explicativos, parlamentares reforçarão os direitos e garantias previstas no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) para a defesa de meninos e meninas. “A gente sabe que, infelizmente, ainda têm muitos turistas que vêm pra cá achando que nossas meninas são presas fáceis. Queremos combater isso na raiz do problema e mostrar que não somos terra sem lei”, frisou o vereador Gelson Ferraz, atual membro da Comissão. Além de combater essa violação de direito, a Campanha quer aproveitar para divulgar o número Disque 100 para denúncias de crimes sexuais.
Essa já é a terceira ação da Campanha que foi realizada em julho com turistas no Calçadão da Beira-mar e, em setembro, no Centro Cultural Dragão do Mar. Segundo o vereador, a idéia da Câmara Municipal de Fortaleza é visitar os pontos onde há circulação de turistas, e assim, fazer a entrega dos panfletos com várias explicações importantes sobre o crime de exploração sexual infantil nos idiomas português, inglês e espanhol. No aeroporto, haverá uma nova ação com a abordagem de passageiros que desembaraçarem de vôos, principalmente internacionais. “Nós vamos conversar com todos, mas preferencialmente com estrangeiros homens que, infelizmente, podem ser os violadores. Entretanto, não vamos criminalizar ninguém, vamos só educar. O panfleto também dá boas-vindas”, afirmou o vereador Gelson. Além de alguns vereadores, estarão presentes órgãos como as Secretarias de Turismo do Governo do Estado e da Prefeitura de Fortaleza e Conselho Tutelar. A comissão, presidida por Gelson Ferraz, conta ainda com os vereadores Carlos Dutra, como vice-presidente e os membros Alípio Rodrigues, Antônio Henrique, Carlos Sidou, José Freire e Paulo Facó.
Anterior Proxima Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Scroll To Top